Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Geral

Ensaios técnicos de escolas de samba começam neste domingo

 
 - Sambistas iniciam ensaios técnicos na Passarela do Samba -  strong Agencia Brasil/Arquivo /strong
Sambistas iniciam ensaios técnicos na Passarela do Samba - strong Agencia Brasil/Arquivo /strong
Os ensaios técnicos de 2019 das escolas de samba do grupo especial, considerado a elite do carnaval do Rio, vão começar neste domingo (10), às 20h. As primeiras agremiações a participar dos encontros serão a Unidos de Vila Isabel, a Mocidade Independente de Padre Miguel e a Unidos da Tijuca.

O restante do calendário, com as outras 11 agremiações, ainda será divulgado pela Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa). Segundo o presidente da Liesa, Jorge Castanheira, os nomes das escolas para os próximos ensaios ainda não foram definidos, mas já está certo que eles vão ocorrer nos fins de semana 16 e 17 e, por último, 23 e 24, para dar tempo de todas participarem. “Nesse caso são Vila Isabel, Mocidade e Unidos da Tijuca nesse domingo. Depois, vamos soltar o calendário das outras escolas, que estamos terminando de fechar. Todas vão participar, se Deus quiser”, afirmou.

Rio de Janeiro - O prefeito Eduardo Paes inaugura, na Passarela do Samba Darcy Ribeiro, a Calçada Nota Dez, espaço semelhante à famosa “calçada das estrelas” de Hollywood. A inauguração da calçada faz parte das comemorações dos 30 anos do
Sambistas iniciam ensaios técnicos na Passarela do Samba - Agencia Brasil/Arquivo
Embora tenha sido divulgado que a Light seria a patrocinadora dos ensaios técnicos, a companhia informou que ainda está avaliando a proposta encaminhada pelo governo do Rio e pela prefeitura do município, e que o acordo não foi assinado até agora. Pela proposta, a empresa descontaria do pagamento de ICMS, o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, o valor investido nos ensaios técnicos. “A Light está fazendo, por meio de incentivo de ICMS, com o governo do estado”, observou.

O presidente da Liesa disse que as negociações continuam na tentativa do patrocínio, mas para não atrasar mais as apresentações, as escolas vão bancar os próprios custos de levar os seus componentes para os desfiles técnicos. “Na realidade, temos nos reunido com as escolas para organizar esta etapa de resgatar os ensaios técnicos e conseguimos, com esforço muito grande das escolas e de todos os envolvidos, retomar os ensaios já para este fim de semana, porque senão não daria tempo de as escolas ensaiarem”.

A Liga, no entanto, segundo Castanheira, vai cobrir os gastos com o Sambódromo. “A Liga, por meio da Lei Rouanet, vai bancar os custos da montagem do Sambódromo para os dias de ensaio, com grades, banheiros químicos, carro de som, equipes de trabalho e de limpeza de banheiros”.

Sobre a manutenção do Sambódromo, que sofreu roubos de cabos, grades, lâmpadas e torneiras dos banheiros, ele afirmou que não cabe à Liesa tratar desse assunto. “Não é com a Liga. Manutenção do Sambódromo é com a Riotur. Nós cuidamos da parte da montagem”, acrescentou.

Os ensaios técnicos que fazem a alegria de torcedores das escolas no período pré-carnaval, foram suspensos em 2017 por falta de patrocínio. Em 2018, apenas a Portela e a Mocidade, campeãs do ano anterior, foram para a avenida, completando a cerimônia de lavagem da Passarela do Samba.

Edição: Graça Adjuto Tags: escolas de samba Grupo Especial Rio de Janeiro Ensaios Técnicos

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

 

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE