Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Semap e Funasa discutem assinatura de novos convênios para construção de sistemas de água

Os convênios beneficiarão as comunidades Cícero Mendes e Morea, na região do Corta Corda.

 
 -   /
/ /

A implantação de novos microssistemas de abastecimento de água que beneficiarão diversas famílias residentes em comunidades da zona rural de Santarém, no oeste do Pará, foi pauta da reunião entre a Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca (Semap) e a Superintendência Estadual da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), dia 11.

O superintendente estadual da Funasa, José Raimundo Cardoso falou sobre a parceria junto ao município, destacando o trabalho nas comunidades da zona rural. "Estamos reunindo novamente com a Prefeitura de Santarém para fortalecer a nossa parceria. Isso está sendo fundamental no sentido de levar saneamento básico aos moradores mais distantes da área urbana, o que possibilita uma água tratada de qualidade e reduz várias doenças", disse Cardoso.

Na ocasião, foi discutida a assinatura de convênios para a construção de novos microssistemas na zona rural do município. Estes que beneficiarão as comunidades Cícero Mendes e Morea, na região do Corta Corda. A comunidade Cícero Mendes atualmente já conta com um sistema de abastecimento de água antigo (com poço raso) cujo funcionamento é deficitário. Já em Morea, a população da comunidade se abastece de poços rasos (poços caseiros) existentes em algumas residências da localidade e igarapés.

Os trabalhos de implantação do microssistema de abastecimento de água na comunidade Patos do Ituqui foram destacados na reunião. Recentemente, a empresa que ganhou a licitação já concluiu os serviços de escavação do poço. A obra é decorrente da parceria da Prefeitura junto à Fundação Nacional de Saúde (Funasa).

O empreendimento beneficiará 68 famílias, cerca de 355 pessoas e melhorará os aspectos ambientais e de saneamento básico, contribuindo para as condições de saúde e nutrição dos habitantes.

Projeto "Salta Z"

Semap e Funasa também trataram sobre a continuação do Projeto "Salta Z" na região de várzea, que está beneficiando as comunidades Centro do Aritapera e Carapanatuba. O projeto surge como uma solução alternativa coletiva simplificada de tratamento de água para consumo humano, que é financiado pelo governo federal, e colocado em prática através de parcerias entre a Funasa e Prefeitura de Santarém.

Após implantação nas comunidades, os próprios moradores vão fazer o monitoramento de todo o processo. Isso envolve a colocação de cloro, a verificação da bomba que traz a água do rio, limpeza da caixa d'água e outros pormenores que envolvem o processo de tratamento da água.

"Esse tipo de parceria fortalece as políticas públicas com o compromisso de levar água de qualidade para as comunidades. Nos sentimos felizes e realizados com essas parcerias. Quem tem a ganhar é os moradores das localidades ribeirinhas", ponderou o vice-prefeito, José Maria Tapajós.

Bruno Costa, titular da Semap, falou sobre a importância dos convênios para o município. "Enquanto município estamos felizes, iniciativas desse tipo são sempre bem-vindas. A Semap tem trabalhado para levar abastecimento de água para as comunidades mais distantes através da implantação de microssistemas", destacou.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE