Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Gaeco faz operação em dez estados para combater roubo de cargas, agiotagem e lavagem de dinheiro

São cumpridos 93 mandados de prisão e 110 de busca e apreensão. Ação ocorre em Minas Gerais, Goiás, São Paulo, Pará, Paraná, Pernambuco, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e Santa Catarina.

 
 -   /
/ /

Uma operação é realizada na manhã desta quinta-feira (29) em dez estados do país para combater uma quadrilha especializada em roubo e receptação de caminhões e cargas, agiotagem além de lavagem de dinheiro.

Mandados judiciais são cumpridos em Minas Gerais, Goiás, São Paulo, Pará, Paraná, Pernambuco, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e Santa Catarina.

São pelo menos 93 mandados de prisão a serem cumpridos, sendo 45 de prisão preventiva e 48 de prisão temporária, além de 110 de busca e apreensão.

A Operação "Mercúrio" é comandada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Uberlândia com apoio da Polícia Militar (PM) e da Secretaria de Administração Prisional (Seap).

Segundo o Gaeco, a chefia da organização estava instalada nas cidades de Uberlândia e Goiânia. A operação obteve o bloqueio judicial de R$ 40 milhões, além da apreensão de cerca de 200 veículos.

A quadrilha também falsificava notas fiscais. Por isso, participam também da ação a Receita Estadual e a Polícia Civil de Goiás.

As investigações duraram cerca dez meses e tiveram como origem as Operações Catira e Fideliza, deflagradas pela Polícia Federal em 2015.

Triângulo e Alto Paranaíba

Na região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba são cumpridos 42 mandados de prisão, sendo maior parte em Uberlândia.

Conforme o Gaeco, na cidade, somente em uma loja de veículos na Avenida João Naves de Ávila, foram apreendidos R$ 8 milhões em carros importados. E ainda, um dos investigados já estava no presídio da cidade.

Também são cumpridos mandados em Patrocínio, Iraí de Minas, Santa Juliana e Araguari.

Os presos preventivamente serão encaminhados à Delegacia de Polícia Civil da cidade e, depois, ao presídio Professor Jacy de Assis. Aqueles presos temporariamente serão ouvidos nesta quinta-feira. Os nomes dos conduzidos ainda não foram informados.

Gaeco de Uberlândia comanda operação realizada em dez estados — Foto: Fernanda Vieira/MG1 Gaeco de Uberlândia comanda operação realizada em dez estados — Foto: Fernanda Vieira/MG1

Gaeco de Uberlândia comanda operação realizada em dez estados — Foto: Fernanda Vieira/MG1

Nome da operação

Segundo informou o Ministério Público, Mercúrio, na mitologia romana, é um mensageiro, Deus dos transportes, da venda, do comércio, do lucro e dos ladrões.

* Reportagem em atualização

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE