Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Operação conjunta das polícias Civil e Militar prende suspeitos de homicídio em Monte Alegre

Prisões ocorreram em menos de 18 horas após o crime que vitimou o jovem Romário Rodrigues da Silva, 24 anos.

 
 -   /
/ /

Uma operação conjunta das polícias Civil e Militar de Monte Alegre, no oeste do Pará, na tarde de quinta-feira (12), resultou na prisão de dois suspeitos de participação no homicídio de Romário Rodrigues da Silva, 24 anos, ocorrido no dia 11, no bairro Planalto.

O Serviço de Inteligência do 18° BPM e Polícia Civil apresentaram na delegacia: José dos Santos Jardim, 22 anos, o autor dos disparos que mataram Romário, e Fábio Rodrigues Almeida, 26 anos, deu todo o suporte e fuga para o assassino.

José tem diversas passagens pela polícia e estava respondendo em liberdade por homicídio e por tentativa de homicídio. Fábio também passagens pela polícia e respondia em liberdade por tráfico de drogas.

Segundo a polícia, José confessou o crime e em depoimento relatou que a morte de Romário foi um acerto de contas do tráfico de drogas, e que a ordem partiu do presidiário "Mão de Lixa", que encontra-se recolhido no Centro de Recuperação Agrícola Silvio Hall de Moura, em Santarém.

Fábio também confessou que foi ele quem deu fuga a José após o assassinato de Romário.

Além da arma do crime, um revólver calibre 38 com 3 munições e a motocicleta utilizada para fuga, foram encontradas na casa dos acusados, bem como uma moto furtada que já estava desmontada.

Na ação também foram presas oito pessoas, suspeitas de arrombarem a casa de Romário, após tomarem conhecimento de sua morte, levando pertences da residência, e ainda por terem ateado fogo na casa. Na ocasião, de acordo com a polícia, as chamas não se alastraram por intervenção de vizinhos.

Suspeitos de arrombamento e furto na casa de Romário foram presos — Foto: Polícia Militar/Divulgação Suspeitos de arrombamento e furto na casa de Romário foram presos — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Suspeitos de arrombamento e furto na casa de Romário foram presos — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Os presos foram identificados como: Fabrício Silva dos santos (Brilhoso), Jucenildo Santos Duarte (Ieié), Lucivaldo Santos Duarte (Popó), Irlene Barbosa Martins, Lucinei Barbosa dos Santos, Joébson Silva da Mota, Adriano da Silva Nascimento e Alciélio Souza Bento (Testa).

Todos os suspeitos e os objetos e veículos apreendidos foram presentados na delegacia de Polícia Civil para procedimentos cabíveis.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE