Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Justiça condena a 137 anos de prisão homem acusado de estuprar oito mulheres na BR-316, em Ananindeua

O crimes foram cometidos no ano de 2017 e 2018. O acusado abordava as vítimas na BR-316 e levava elas até um lugar distante, onde eram atacadas.

 

O Tribunal de Justiça do Pará (TJPA) condenou o réu Gilberto Egues da Costa a 137 anos e 10 meses por estuprar e roubar pelo menos oito mulheres na BR-316, região metropolitana de Belém. A sentença foi definida no dia 30 de dezembro de 2019 e o resultado do processo, que tramitou em sigilo, foi divulgado nesta quarta-feira (15) pelo Tribunal de Justiça.

De acordo com o processo, os crimes aconteceram entre os anos de 2017 e 2018. Entre as vítimas estão adolescentes e adultas. Além de estupradas, quatro vítimas também foram roubadas.

A forma que o acusado agia era sempre a mesma: as vítimas eram abordadas a noite na BR-316, próximo de um shopping localizado no bairro do Coqueiro, em Ananindeua, sob ameaça de arma de fogo. As vítimas eram levadas na bicicleta do réu para um lugar distante e deserto, onde eram atacadas.

O agressor foi preso em outubro de 2018 e foi reconhecido pelas vítimas. Segundo o processo, em três das oito vítimas foi comprovado que o DNA do agressor coincidia com o do réu. A identificação foi feita por meio do trabalho da polícia e da perícia forense.

O acusado respondeu a todo o processo preso e pode recorrer da decisão da justiça com recurso da sentença.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE