Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

MPF recomenda medidas de controle da Covid-19 no aeroporto de Santarém

Monitoramento de casos suspeitos da doença nos aviões que chegam à cidade é uma das recomendações. Infraero diz seguir medidas preventivas.

 
 -   /
/ /

O Ministério Público Federal (MPF) enviou na segunda-feira (23) recomendação à superintendência do Aeroporto Maestro Wilson Fonseca, em Santarém, no oeste do Pará, para que seja feito o monitoramento de casos suspeitos de coronavírus nos aviões que chegam à cidade, importante destino turístico na região.

A recomendação também indica a necessidade de se criar um canal direto de comunicação entre o aeroporto e as autoridades de saúde e vigilância sanitária. O e-mail a ser disponibilizado deve funcionar 24 horas por dia e providenciar respostas às demandas no prazo máximo de duas horas.

“Em caso de suspeitas de infecção de Covid-19 nos terminais aeroportuários ou durante os voos, que comuniquem imediatamente o fato à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e à Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa)”, diz o documento.

Apesar de receber apenas voos nacionais, muitos turistas de outros países chegam à região pelo aeroporto, que não conta com posto da vigilância sanitária. Desde o início da semana, uma equipe das secretarias municipal e estadual de saúde monitoram os passageiros no terminal.

Ao G1, a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) informou que segue todas as medidas de segurança vigentes no país. O G1 também entrou em contato com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e aguarda resposta.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Cidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE