Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

ONU alerta para possíveis resíduos tóxicos gerados por explosão em Beirute, no Líbano

Megaexplosão em porto da capital libanesa pode ter espalhado materiais tóxicos na cidade e no Mediterrâneo.

 
 -   /
/ /

Uma agência da Organização das Nações Unidas (ONU) expressou nesta sexta-feira (14) preocupação por possíveis resíduos tóxicos gerados pela gigantesca explosão no porto de Beirute, e pediu que fossem analisados o impacto e a periculosidade dessas substâncias.

A catástrofe de 4 de agosto, que provocou mais de 171 mortos e 6,5 mil feridos, cobriu Beirute com camadas e camadas de resíduos de todo tipo, explicou do Líbano Rekha Das, conselheira de crise para o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), durante coletiva de imprensa por videoconferência organizada em Genebra, Suíça.

Grande explosão atinge área portuária de Beirute; governo cita 'alto número de feridos

Grande explosão atinge área portuária de Beirute; governo cita 'alto número de feridos'

"Devemos analisar os distintos tipos de despejos: os tóxicos, médicos, eletrônicos...", ressaltou Das, que lembrou que "devemos determinar quais são perigosos e os que não são, quais são recicláveis e os que não são, e guardá-los em lugares seguros aqueles que não podem ser reciclados".

  • VEJA VÍDEO: Câmaras registram destruição de hospital em Beirute

"O problema é importante porque já havia uma questão neste país com a seleção do lixo", reconheceu a responsável da ONU.

"Além desses resíduos visíveis e da contaminação, o Mediterrâneo também foi contaminado, algo do qual sabemos pouca coisa", afirmou.

Armazéns do porto de Beirute, no Líbano, ficaram destruídos na explosão de terça-feira (7) — Foto: Hussein Malla/AP

Esta tarefa de análise dos resíduos, que "apenas começou", ocorrerá "em estreita colaboração com especialistas da União Europeia" e "organizações de voluntários".

Das reconheceu que "será difícil chegar nas zonas danificadas", já que ainda há "tijolos e ladrilhos caindo", mas eles esperam obter os primeiros resultados preliminares "dentro de uma semana".

O PNUD calcula que são necessários ao menos US$ 3 milhões para financiar essas primeiras tarefas de análise dos resíduos.

Passo a passo mostra os detalhes da explosão em Beirute, no Líbano, que ocorreu na terça-feira (4) — Foto: Guilherme Luiz Pinheiro/G1

MEGAEXPLOSÃO EM BEIRUTE

  • Grande explosão atinge área portuária de Beirute; governo cita 'alto número de feridos'

  • VÍDEOS da explosão em Beirute, no Líbano

  • FOTOS da explosão em Beirute, no Líbano

  • Militares brasileiros estão bem e não há feridos, diz Marinha

  • Veja como era a região portuária de Beirute antes da explosão

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Mundo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE