Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Mundo tem recorde diário de casos e de mortes por Covid

Foram confirmados 666 mil novos infectados e 12,2 mil óbitos na quarta-feira 11 , segundo balanço da Universidade Johns Hopkins. Reino Unido e Itália batem novos recordes de casos.

 
 -   /
/ /

O mundo registrou um novo recorde diário de casos e de mortes por Covid, segundo balanço da Universidade Johns Hopkins. Foram 666.955 novos infectados e 12.220 óbitos na quarta-feira (11).

  • Vanuatu registra 1º caso de Covid; país era um dos únicos sem infectados
  • Europa prevê início de vacinação contra Covid no começo de 2021

Os recordes anteriores foram atingidos na semana passada: 641.152 casos na sexta-feira (6) e 11.031 mortes na terça-feira (3).

Atualmente, são mais de 52,2 milhões de casos 1,2 milhão de mortes causadas pelo novo coronavírus em todo o mundo desde o início da pandemia.

Nesta quinta-feira (12), Reino Unido e Itália registraram novos recordes de infectados e a França anunciou que uma em cada quatro mortes no país é causada pelo novo coronavírus (veja mais abaixo).

Recordes de casos nos EUA

Pelo segundo dia seguido, os Estados Unidos registraram recorde de infectados. Foram 140.290 na terça (10) e mais 144.133 ontem.

Em meio à disparada de casos no país, o estado de Nova York anunciou novas restrições para restaurantes, bares e academias.

Os EUA são o mais afetado do mundo e concentra cerca de 20% de todos os casos e mortes do planeta. Na sequência vêm Índia e Brasil.

Mulher segura a sua filha enquanto profissional de saúde usa um swab para coletar saliva para um teste de Covid-19 em Srinagar, na Índia — Foto: Dar Yasin/AP

2ª onda na Europa

Na Europa, que enfrenta uma segunda onda de contágios e tem adotado diversas medidas de restrição, Reino Unido e Itália registraram novos recordes de infectados, a França vê os hospitais encherem e a Espanha passou dos 40 mil mortos.

Foram 33.470 novos casos no Reino Unido, novo recorde diário, e 595 mortes, o maior número desde 12 de maio. Com isso, o país superou a barreira dos 50 mil mortos.

Na Itália, que ontem se tornou o décimo a ultrapassar a marca de um milhão de casos, foram 37.978 novos infectados e 636 óbitos nas últimas 24 horas.

Na França, o primeiro-ministro Jean Castex afirmou que uma a cada quatro mortes no país é causada pela Covid e um francês é internado a cada 30 segundos: "A pressão sobre o nosso sistema hospitalar aumentou drasticamente".

Mapa com levantamento da Universidade Johns Hopkins no dia 12 de novembro de 2020 — Foto: Reprodução/Johns Hopkins

Cinco das dez nações com mais infectados são europeias:

  1. Estados Unidos: 10,4 milhões
  2. Índia: 8,6 milhões
  3. Brasil: 5,7 milhões
  4. França: 1,9 milhão
  5. Rússia: 1,8 milhão
  6. Espanha: 1,4 milhão
  7. Argentina: 1,2 milhão
  8. Reino Unido: 1,2 milhão
  9. Colômbia: 1,1 milhão
  10. Itália: 1 milhão

O Reino Unido superou a marca de 50 mil mortes e Irã e Espanha passaram das 40 mil vítimas cada um. Os países com mais óbitos são:

  1. Estados Unidos: 241 mil
  2. Brasil: 163 mil
  3. Índia: 128 mil
  4. México: 96,4 mil
  5. Reino Unido: 50,4 mil
  6. Itália: 42,9 mil
  7. França: 42,6 mil
  8. Irã: 40,1 mil
  9. Espanha: 40,1 mil
  10. Peru: 35 mil

Saiba mais sobre o novo coronavírus em reportagens do JN:

20 vídeos Voluntário morreu por combinação de medicamentos sem relação com vacina Brasil registra 926 novas mortes por Covid após atualização de dados atrasados Bolsonaro volta a minimizar pandemia: Brasil 'tem que deixar de ser um país de maricas

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Mundo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE