Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Morre aos 54 anos mordomo de Bento XVI responsável pelo Vatileaks

Paolo Gabriele foi condenado a 18 meses por vazar documentos ultrassecretos do papa Bento XVI em 2012, mas recebeu o indulto do próprio Josef Ratzinger meses depois.

 
 -   /
/ /

Paolo Gabriele, o ex-mordomo do Papa Bento XVI que vazou documentos ultrassecretos, morreu aos 54 anos, informou nesta terça-feira (24) o site de notícias do Vaticano.

A causa da morte não foi informada.

Servidor de Josef Ratzinger por seis anos, Paolo Gabriele foi condenado a 18 meses de prisão após ter confessado ter furtado documentos confidenciais do sumo pontífice em 2012.

Bento XVI, no entanto, concedeu indulto ao ex-mordomo no mesmo ano.

Casado e pai de três filhos, Gabriele passou a trabalhar no hospital pediátrico Bambino Gesù, administrado pela Santa Sé.

Paolo Gabriele, ex-mordomo do então Papa Bento XVI, em foto de 23 de maio de 2012 — Foto: AFP

Vatileaks

Gabriele enviou a jornais italianos trechos de cartas internas revelando rivalidades e corrupção nos bastidores da Igreja. O caso, que expôs o Vaticano, foi apelidado de "Vatileaks".

Os documentos não revelaram escândalos em grande escala da Igreja Católica, mas suspeitas de corrupção, calúnias e escolhas contestadas. "Paoletto" foi preso em maio de 2012.

Durante seu julgamento em um tribunal da Santa Sé, o mordomo afirmou ter agido por "convicção de ter atuado por amor exclusivo" à Igreja Católica e ao papa: "Não me considero um ladrão".

A notícia do perdão foi dada pelo próprio Bento XVI, que renunciou dois meses depois dizendo que não tinha mais a força física necessária para sua pesada tarefa.

O ex-mordomo do papa Bento XVI, Paolo Gabriele (ao centro), deixa a corte após ser condenado a 18 anos de prisão em 2012 — Foto: AFP

Veja os vídeos mais assistidos do G1

20 vídeos Veja momento da tentativa de assalto a PM em São Paulo Motorista ‘perde’ o carro em engarrafamento e fica vagando por meia hora no meio de rodovia até achar Veja o momento em que motorista é baleado em posto de gasolina de Niterói

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Mundo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE