Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

China diz aguardar missão da OMS a Wuhan para investigar origem da Covid-19

País afirma que está finalizando preparativos para receber a visita. Diretor da OMS criticou nesta semana demora para liberação da entrada da equipe de especialistas.

 
 -   /
/ /

A China garantiu neste sábado (9) que está finalizando os preparativos para receber a missão da Organização Mundial da Saúde (OMS) que investigará em Wuhan a origem da Covid-19. O órgão criticou nesta semana o país por demorar para liberar a viagem.

A afirmação das autoridades chinesas ocorreu depois de o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, ter afirmado que estava "muito decepcionado" com Pequim por não ter finalizado as permissões necessárias para a chegada da equipe de especialistas da organização a Wuhan.

"Assim que esses especialistas concluírem os procedimentos e confirmarem o plano, iremos a Wuhan para acompanhar as investigações", afirmou o vice-ministro da Comissão Nacional de Saúde, Zeng Yixin.

Dias antes, as autoridades chinesas se negaram a confirmar os detalhes da viagem, em um gesto que mostra o incômodo do regime chinês com o tema. O país tenta se desvencilhar da responsabilidade pela pandemia, que já deixou quase 2 milhões de mortos no mundo.

A OMS informou que a China garantiu que permitirá uma equipe de 10 pessoas.

"Temos uma equipe de especialistas para receber a equipe da OMS", disse Zeng, que espera que as investigações esclareçam a origem do coronavírus.

China nega que tenha barrado investigadores da OMS

China nega que tenha barrado investigadores da OMS

Saiba mais sobre a Covid-19 em reportagens do Jornal Nacional

200 vídeos Rainha Elizabeth II é vacinada contra a covid-19 Argentina adota novas medidas de isolamento São Paulo adota novas regras para controlar o avanço da pandemia

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Mundo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE