Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Reino Unido vacina 200 mil por dia contra a Covid-19 e caminha para cumprir meta, diz secretário

Matt Hancock afirmou à BBC que o país deve atingir objetivo de imunizar os mais vulneráveis até meados de fevereiro e de oferecer uma dose para todo adulto do país até o outono do hemisfério norte. O Reino Unido teve recorde de mortes na 2ª onda.

 
 -   /
/ /

O Reino Unido está a caminho de vacinar os mais vulneráveis contra a Covid-19 até meados de fevereiro e de oferecer a primeira dose para todo adulto do país até o outono do hemisfério norte, afirmou neste domingo (10) o secretário de Saúde britânico, Matt Hancock.

"Na última semana, vacinamos mais pessoas do que em dezembro inteiro, então estamos acelerando o processo", disse ele à BBC.

O Reino Unido está lutando contra a disparada no número de infecções, mas deposita suas esperanças na imunização rápida para iniciar o retorno a algum grau de normalidade até a primavera.

Hancock disse que cerca de 2 milhões de pessoas já receberam a primeira dose da vacina da Pfizer-BioNTech ou da Oxford-AstraZeneca.

"Nós agora vacinamos cerca de um terço de todos com mais de 80 anos, então estamos progredindo muito, muito bem", disse.

Será preciso aplicar 2 milhões de doses por semana para que o governo cumpra a meta de vacinar mais de 14 milhões de pessoas até meados de fevereiro, incluindo pessoas com mais de 70 anos, pessoas com condições clínicas de vulnerabilidade e profissionais de Saúde ou de Assistência Social.

A taxa atual é de cerca de 200 mil por dia, disse Hancock.

VÍDEOS: novidades sobre as vacinas contra Covid-19

200 vídeos Secretário de Saúde de SP pede rapidez na aprovação na vacina Ministério da Saúde afirma que vacinação contra Covid será simultânea em todo o país Anvisa aceita documentação da Fiocruz, mas pede mais informações ao Butantan

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Mundo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE