Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Daft Punk em 5 faixas: inovação com efeitos vocais, clipes intrigantes e '''disco''' reprocessada

VÍDEO mostra as 5 principais faixas para entender a carreira do duo francês que anunciou seu término após 28 anos de atividade nesta segunda-feira 22 ; assista.

 

A separação do duo francês Daft Punk foi anunciada nesta segunda-feira (22). Confira as principais canções com as quais a dupla domina o mundo da música eletrônica desde o final dos anos 1990.

Veja o vídeo acima e leia mais abaixo.

"Da Funk" (1995)

Segundo single do duo, "Da Funk" foi lançado em 1995 e se tornou o primeiro sucesso deles. Essa música instrumental rapidamente ganhou espaço em casas noturnas europeias e se tornou um clássico da house music dos anos 1990.

O videoclipe, em que um homem com cabeça de cachorro aparece caminhando pelas ruas de Nova York, também se tornou muito popular.

"Around the World" (1997)

É a principal faixa do seu primeiro álbum, "Homework" (1997), que teve dois milhões de cópias vendidas em 35 países. Com o trabalho, o Daft Punk começa a conquistar o mundo.

No videoclipe, dançarinos vestidos de esqueletos, robôs, múmias e nadadores caminham e dançam de forma sincopada, no ritmo da música.

"One More Time" (2000)

Primeiro single do seu segundo álbum, "Discovery". A dupla utiliza o Auto-Tune, programa de computador para tratar e comprimir a parte vocal, técnica hoje muito comum, principalmente entre rappers.

O Auto-Tune foi muito popular e polêmico no final dos anos 90 como uma ferramenta que disfarçava vocais desafinados. Mas o Daft Punk foi um dos responsáveis por transformá-lo em uma ferramenta criativa, e não de correção.

"Muitas pessoas reclamam que existam músicos que usem o Auto-Tune. Isso me lembra do final dos anos 1970, quando alguns músicos franceses queriam proibir os sintetizadores. Mas eles não perceberam que é possível usar esses instrumentos de forma inovadora, não apenas para substituir os instrumentos do passado", explicou Thomas Bangalter.

"Harder, Better, Faster, Stronger" (2001)

É a quarta faixa do álbum "Discovery". Sua maior marca são os vocais robóticos e repetitivos. Vencedora de um Grammy, a música foi reinterpretada em 2007 pelo rapper americano Kanye West em sua canção "Stronger".

"Get Lucky" (2013)

Composta por Pharell Williams e o lendário guitarrista Nile Rodgers, esta faixa do álbum "Random Access Memories", que reprocessou a disco music, foi aclamada pela crítica e chegou ao número um das paradas em muitos países em meados de 2013.

Em 2017, foi interpretada por uma banda no final do tradicional desfile de 14 de julho na Champs Elysées em Paris, diante dos presidentes francês e americano, respectivamente, Emmanuel Macron e Donald Trump.

  • Leia mais: Daft Punk se reinventa com álbum nostálgico e boas parcerias

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Variedades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE