Mundo

Mundo

Fechar
PUBLICIDADE

Mundo

Vídeo: morador de rua diz a mulher de movimento antivacina que está vivo porque foi vacinado

Em Los Angeles, durante um protesto contra a vacina, uma mulher faz uma pergunta retórica sobre a sobrevivência de moradores de rua. Um deles, que passava pelo local, afirma que está vivo justamente por ter sido vacinado.

 

Um incidente que envolveu uma pequena manifestação contra a vacina da Covid-19 em Los Angeles, nos Estados Unidos, foi publicada em uma rede social e visualizada cerca de 3,5 milhões de vezes.

Uma manifestante caminha pelo centro da cidade, onde há moradores de rua, e pergunta no megafone: "Vocês veem todos esses moradores de rua em volta, eles estão mortos na rua com Covid? Claro que não? Por quê?", ela grita.

Um homem que não aparece na gravação responde: "Porque estou vacinado, sua burra". Aparece então na imagem do homem, que está empurrando um carrinho de supermercado.

O usuário do Twitter que publicou a cena é o dono da conta Film the Police. Em entrevista à revista "Newsweek", ele contou que estava no local porque havia tido um incidente lá perto com a polícia.

A mulher que protestava contra a vacina continuou com sua pregação, mesmo com a resposta do morador de rua. Ela afirmou que "é a hora de acordar".

Nas redes sociais, ela virou objeto de chacota: outros usuários fazem piadas parodiando a retórica dela.

Veja também

  • Pfizer pede autorização para uso emergencial de vacina contra Covid-19 em crianças de 5 a 11 anos nos EUA
  • Cientistas testam o efeito e a segurança da aplicação de vacinas em quem tem menos de 12 anos

Veja os vídeos mais assistidos do g1

200 vídeos

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Mundo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE