Variedades

Variedades

Fechar
PUBLICIDADE

Variedades

Bruna Marquezine revela teste para Supergirl no filme '''The Flash''' e se emociona ao relembrar experiência

Atriz contou história ao participar do podcast Mamilos e falar sobre desafios diante da síndrome de impostora.

 

Bruna Marquezine revelou, durante entrevista ao podcast "Mamilos", que participou do teste para a personagem Supergirl do filme "The Flash", previsto para ser lançado em 2022.

A atriz contou sobre sua experiência ao ser convocada para o episódio que aborda o tema "síndrome da impostora", comportamento que Bruna relata sofrer.

Durante seu depoimento, a atriz se emocionou diversas vezes. O episódio completo está disponível no Globoplay.

  • Leia também: Supergirl vai ser interpretada por Sasha Calle em 'The Flash'

Bruna contou que soube da oportunidade para o teste logo após a pausa nas gravações da série "Maldivas", do Netflix.

"A gente ficou muito feliz com essa oportunidade. Fiquei radiante. Mas se tem uma coisa que odeio nesse mundo é teste. A pessoa que sofre da síndrome de impostora odeia ser testada", contou Bruna.

A atriz conta que, para o teste em inglês, afirmaram que ela poderia ter sotaque. Até então, ela não sabia que o personagem seria o da Supergirl, papel que ficou com Sasha Calle.

"Estudei três anos em uma escola americana onde minha primeira língua era o inglês. Aprimorei muito meu inglês nessa escola. Mesmo assim, eu sempre disse pras pessoas que eu não falava inglês. Só pra fazer o teste, liguei pra duas professoras americanas diferentes que tenho, uma de sotaque, outra de interpretação."

Após gravar o teste pelo celular, Bruna quase perdeu o prazo de envio, pois não queria enviá-lo. "Falei pra empresária que ficou uma merda, que ia regravar".

Bruna não refez, mas acabou enviando as imagens da primeira tentativa.

"Soube de alguns nomes de atrizes que admiro profundamente e que sempre considerei serem artistas muito melhores, muito mais capacitadas do que eu, com mais bagagem. Eu fui a única brasileira aprovada. Fui pro top 5, fui pro Top 2", conta.

Depois de uma conversa com o diretor, Bruna participou de um teste de química com o ator Ezra Miller, intérprete do Flash, e conta que foi elogiada por ambos.

"Obviamente vocês já entenderam que eu não peguei o papel, mas quando eu terminei esse teste, lembro que terminei aos prantos e falei: 'tenho orgulho de mim nesse momento. Não importa a resposta porque tenho orgulho do que fiz nesse teste'."

Bruna conta que um dos maiores motivos de não ter ficado com o papel foi a pandemia de coronavírus e suas limitações.

"Eu não tinha como ir pra Londres. Tentaram de todas as formas possíveis", recorda.

"Óbvio que esse não foi o único motivo. A atriz -- acredito muito nisso --, existe momento pra tudo e esse papel era dela."

Bruna ainda afirmou que o bom resultado no teste deu confiança para que ela voltasse para o set de "Maldivas". Antes da oportunidade, Bruna conta que, durante a pausa nas gravações da série, passou a se questionar sobre seu talento.

"Comecei a pensar que durante 15 anos de carreira enganei todo mundo, que realmente o único personagem de sucesso da minha carreira foi a Salete [personagem da atriz em 'Mulheres Apaixonadas]', porque eu era criança e criança qualquer coisa que faz é bonitinho, tá legal... uma criança que chora, o diretor ganhou na loteria... eu era uma criança que chorava, então tá legal."

"Depois que cresci, não tenho bagagem, não estudei, não vim do teatro, então se não venho do teatro, não sou uma atriz de fato. Aí novamente voltei pra esse limbo e foi quando surgiu a oportunidade do teste."

Bruna Marquezine faz alerta sobre comentários em redes sociais e revela depressão

window.PLAYER_AB_ENV = "prod"

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

Mais Lidas em Variedades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE